icon-emailicon-facebookicon-instagramicon-nexticon-playicon-previcon-twitter
Fetrafi-MG CUT Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro

NOTÍCIAS

27/02/2020
Metas abusivas: Sindicato faz ato preventivo no Santander

Diretores do Sindicato estão visitando as agência do Santander em Uberaba e alertando aos gerentes para que não promovam imposição de metas abusivas e nem usem métodos que configurem assédio moral.
O sindicato esclarece que levantamentos nacionais mostram um número grande de adoecimentos e afastamentos por conta do ambiente e condições de trabalho no banco. Os gerentes são orientados a aproximar dos bancários, buscando um clima humanizado de equipe.
A falta de funcionários também está sendo denunciado às chefias. Ao invés de contratar, o banco tem feito uma promoção nominal unilateral criando um novo cargo de gerente: o gerente de negócios e serviços. Que nada mais é que um gerente “bombril 1001 utilidades”.
Em algumas funções, há exigência de certificação avançada: CPA 20 mais CEA. Só que o banco, que exige muito, paga pouco para a função. E, por isso, tem dificuldade para encontrar o profissional qualificado.

Exploração sem limites
Em comunicado, distribuído via Now, o presidente do Santander no Brasil, Sergio Rial, determinou que todos trabalhadores da Rede obtenham a certificação CPA-20 até o final de 2020. Além disso, em uma ameaça velada aos bancários de lojas físicas, Rial impõe o “desafio” de “triplicar o valor da venda por metro quadrado”.
No ano passado foi feita a exigência do CPA-10, situação que foi traumática para os bancários de todo o país.

TAGS: #SANTANDER